Banner-Adaptado-FB---Dominus
fev
05
2016
Defasagem na tabela do Imposto de Renda em 2015.

Em janeiro foi divulgado um estudo pelo Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Sindifisco Nacional) que afirma que os brasileiros estão pagando mais imposto do que o necessário. No post de hoje, confira um pouco mais sobre essa defasagem.

          (0) voto(s).
  • Share/Bookmark
ago
12
2015
Consulta do 3° Lote da restituição do Imposto de Renda é liberada

A Receita Federal liberou na última segunda-feira, dia 10, a consulta ao terceiro lote da restituição do Imposto de Renda 2015. Confira!

A consulta ao 3° lote pode ser feita através do site da Receita Federal , pelo aplicativo disponibilizado para smartphones e tablets e pelo Receitafone 146. Também foi divulgado a relação de pessoas que caíram na malha fina desde 2008 até 2014.

          (0) voto(s).
  • Share/Bookmark
mar
31
2015
O que acontece quando uma pessoa sonega a declaração do Imposto de Renda?

A sonegação fiscal é uma prática comum na declaração do Imposto de Renda (IR). No entanto, quem faz isso muitas vezes não sabe quais consequências tal ato pode trazer. Inicialmente, é necessário entender o que é sonegar. É omitir rendimentos, ou seja, não declarar receitas durante o preenchimento da declaração do IR.  Isso é feito como forma de evitar a tributação e o pagamento do imposto referente a determinado rendimento.

          (0) voto(s).
  • Share/Bookmark
mar
17
2015
Detalhes que você precisa saber sobre o Imposto de Renda

Até dia 30 de abril a declaração do Imposto de Renda 2015 (IR 2015) deverá ser feita. Como o processo já começou dia 2 de março, listamos para o post de hoje algumas informações preciosas sobre o assunto.

          (0) voto(s).
  • Share/Bookmark
mar
10
2015
Imposto de Renda 2015 pode ser declarado até 30 de abril

A declaração do Imposto de Renda 2015 (IR 2015) começou desde 2 de março. O prazo se estende até 30 de abril, segundo publicação da Receita Federal no Diário Oficial da União.

Quem deve declarar IR?

Segundo a Receita, a declaração do IR é obrigatória para quem mora no Brasil e recebeu rendimentos tributáveis de mais de R$ 26.816,55 ao longo de 2014.

Também é obrigado declarar quem recebeu rendimentos isentos ou não tributáveis (indenização trabalhista, por exemplo), ou tributados (como o salário) exclusivamente na fonte, cuja soma total foi superior a R$ 40 mil.

As pessoas que ganharam dinheiro com a venda de bens ou direitos, operações em Bolsa de Valores e atividades parecidas, em qualquer mês de 2014, também precisam declarar IR em 2015.

A declaração pode ser feita pelo computador ou por smartphones e tablets?

Sim, isso é possível. No caso do computador, basta usar o programa de declaração, que deverá ser baixado aqui, no site da Receita.

Para smartphones e tablets, é preciso baixar o aplicativo APP IRPF, disponível nas lojas Google Play (para usuários de Android) ou App Store (para o sistema iOS).

Fonte: economia.uol

Gostou de aprender mais sobre a declaração do Imposto de Renda? Quer continuar aprendendo sobre o mundo da Contabilidade, da Auditoria e da Consultoria Organizacional? Acompanhe-nos nas redes sociais: @DominusAuditori/DominusAuditoria.

          (0) voto(s).
  • Share/Bookmark
dez
08
2014
Lote de restituição do IR mostrará quem caiu na malha fina

Nesta semana, a Receita Federal libera consulta ao último lote de restituições do Imposto de Renda Pessoa Física 2014. Os contribuintes que não forem listados devem acessar o extrato da declaração para identificar os motivos que os levaram à malha fina. O extrato fica disponível no e-CAC, o Centro Virtual de Atendimento.

A consulta do IRPF ficará disponível online na página da Receita Federal, mas também poderá ser feita pelo telefone 146 e por meio de aparelhos eletrônicos com sistema operacional  Android ou iOS. O dinheiro será depositado no Banco do Brasil no dia 15.

Anualmente, a Receita libera sete lotes regulares de restituições – o primeiro em junho e o último em dezembro. Nos meses seguintes, à medida que as declarações em malha são corrigidas, vão sendo liberados lotes residuais.

A restituição fica disponível no banco durante um ano, segundo as normas da Receita. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la pela internet, através do Formulário Eletrônico (Pedido de Pagamento de Restituição), ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato de Processamento da DIRPF.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contactar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para os seguintes números:

Capital: 4004-0001

Demais localidades: 0800-729-0001

Deficientes auditivos: 0800-7290088

Nesses contatos, o contribuinte pede o agendamento do crédito em conta-corrente ou em poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Quer saber mais sobre o mundo da Contabilidade, da Auditoria e da Consultoria Organizacional? Acompanhe-nos nas redes sociais:/DominusAuditoria@DominusAuditori/DominusAuditoria.

Fonte: Exame

          (0) voto(s).
  • Share/Bookmark
abr
29
2014
Últimos dias para entregar o Imposto de Renda – confira 6 pontos antes de declarar!

O último dia para entregar a Declaração do Imposto de Renda 2014 é amanhã (30/04), por isso, fique atento! Neste momento, é muito importante verificar se faltou algum rendimento ou se nenhum valor está errado. Veja o que você deve verificar antes de mandar sua declaração para não cair na malha fina.

1. Revise todos os valores

Mesmo com a pressa, você não pode esquecer de revisar todos os valores, especialmente os tributáveis – como salários, aluguéis, comissões e outros rendimentos sujeitos à cobrança de imposto de renda. Qualquer divergência, pode ser um motivo para parar na malha fina.

          (0) voto(s).
  • Share/Bookmark
abr
03
2014
Certificação Digital: facilidade na hora de declarar o Imposto de Renda

Existem muitos benefícios para quem faz a Certificação Digital e precisa declarar o Imposto de Renda 2014. Essa tecnologia permite a identificação de pessoas físicas e jurídicas dentro do sistema da Receita Federal. Funciona como o reconhecimento de firma, porém de forma digital e com validação jurídica e sigilo das informações.

Mas e quais são os benefícios na hora de declarar o Imposto de Renda? Vamos listar alguns:

* * * * * (1) voto(s).
  • Share/Bookmark
mar
13
2014
Doméstico pode declarar Imposto de Renda em 2014

Com a ampliação dos direitos dos trabalhadores domésticos, muitos deles poderão ser obrigados à declarar o Imposto de Renda em 2014, devido à assinatura da carteira de trabalho, ao direito a horas extras e aos demais benefícios. O limite de isenção é o mesmo para todos os contribuintes: R$ 25.661,70 anuais. Mas, passando dele, o empregado deve preencher a declaração.

Por isso, o primeiro passo é verificar o total dos rendimentos tributáveis em 2013. Se ultrapassarem o valor limite, é hora de se informar sobre os primeiros passos para o preenchimento da declaração do Imposto de Renda. Para comprovar, é preciso que o patrão forneça o informe de rendimentos feitos ao empregado. A declaração de 2014 deve ser feita até o dia 30 de abril.

          (0) voto(s).
  • Share/Bookmark
fev
20
2014
Como fazer a entrega da DIRF em 2014?

O Declaração do Imposto sobre a Renda Retida na Fonte (Dirf) deve ser entregue até a próxima sexta-feira (28/02/2014). De entrega anual, o documento faz referência às informações dos rendimentos pagos a pessoas físicas domiciliadas no País ou no exterior, em uma série de situações ligadas ao Imposto de Renda.

A Dirf deve ser apresentada pelas pessoas que pagaram ou creditaram rendimentos com retenção do Imposto de Renda na fonte, ainda que em um único mês, no ano-calendário de 2013:

          (0) voto(s).
  • Share/Bookmark
« Anterior