dez
19
2011
Planeje o que fazer com o seu 13º salário: saiba as alternativas

Amanhã é o dia do pagamento da segunda parcela do 13º salário. Agora que toda a bonificação foi recebida, a pergunta é: como se deve usar esse dinheiro? Embora o primeiro pensamento seja que ainda dá tempo de comprar alguns presentes de natal ou, quem sabe, fazer uma viagem de fim de ano, existem outras formas interessantes de escapar das dívidas e fazer o dinheiro render.

O 13º pode ser de grande ajuda para quem tem dívidas pendentes. A hora é de pensar em como iniciar 2012 quitando essas dívidas e deixando o bolso mais livre. Para quem pode pagar as dívidas de uma vez, a indicação dos especialistas é que use todo o dinheiro para fazer isso. Caso não seja possível quitar, use parte dele para aliviar o montante, já que as dívidas costumam vir atreladas aos juros. O fundamental é aliviar a situação.

Para quem está com as contas em dias, vale lembrar que janeiro é um mês cheio de pendências: IPTU, IPVA, material escolar e matrícula. Reservar a segunda parcela do 13º pensando nestas contas pode ser de grande utilidade mais à frente, quando elas começarem a pesar.

Quem já tem tudo isso planejado e um dinheiro reservado, chegou a hora de pensar num investimento, mas isso deve vir junto à compreensão de que é preciso diminuir o consumo e poupar pensando no futuro. Essa é uma excelente alternativa para quem tem planos a longo prazo, como comprar um carro ou imóvel, fazer uma viagem ao exterior ou ainda para quem planeja a educação dos filhos e quer independência financeira. E existem diversas formas de investimento: fundos de renda fixa, poupança, Tesouro Direto e ainda a Bolsa de Valores. Mas é preciso entender bastante o funcionamento destes para não se perder ao longo do caminho.

Já quem não recebe 13º salário, como autônomos e assalariados, o ideal é pensar nesta época como uma ressalva para o próximo ano. Ou ainda fazer uma aposentadoria por meio de fundos de previdência, como PGBL e VGBL, pensando na manutenção da qualidade de vida em seu futuro.

Quem recebe e como é pago o 13º salário?

O 13º salário é uma bonificação dada proporcional ao tempo de serviço do empregado na empresa, desde que este tenha cumprido acima de 15 dias de trabalho. Quando o pagamento é feito de forma parcelada, ele pode ser pago em duas vezes: até o dia 20 de novembro a primeira parcela e até o dia 20 de dezembro a segunda parcela.  Nesta bonificação também são contadas as horas extras e o adicional noturno, mas também são debitados valores de impostos do INSS e FGTS.

Agora que você está mais por dentro das oportunidades do 13º salário, compartilhe suas ideias respondendo à nossa enquete no Facebook: o que você pretende fazer com o seu 13°salário? Acompanhe também outras notícias sobre auditoria, contabilidade e consultoria organizacional em nosso Twitter. Até o próximo post!

Com infomações de: Especial Folha 13º Salário.

* * * * * (4) voto(s).
  • Share/Bookmark

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>