jan
04
2013
Investimentos em 2013: novas regras podem encarecer os preços dos carros

Quem já possui ou planeja comprar um carro este ano deve ficar atento às novas regras que estão estabelecidas para 2013. O aumento dos impostos obrigatórios pode impactar o bolso dos consumidores de forma significativa. A previsão é de que as mudanças diminuam as compras de carro que estavam elevadas por causa da baixa do Imposto Para Produtos Industrializados – IPI.

As leis válidas para o mercado automotivo já começam a ser postas em prática ainda em janeiro, estendendo sua validade ao longo do ano de 2013, bem como aumentando as taxas ao longo desse período.

Quem não aproveitou a redução do IPI ano passado pode ter perdido uma margem de lucro, já que agora ele sofrerá aumento. Carros de até mil cilindradas, que estavam com imposto zero, terão cobrança de 2% durante os meses de janeiro a março, subindo para 3,5% entre abril e junho.

Os automóveis com motores flex (movidos a álcool ou a gasolina), entre mil e dois mil cilindradas, terão um aumento na alíquota para 7% até março, sendo elevada para 9% no trimestre seguinte. Os veículos que são movidos apenas a gasolina (com a mesma potência), por sua vez, terão cobrança de 8% nos primeiros três meses do ano e 10% nos três seguintes.

Além do IPI, quem terá um aumento de 4,5% é o Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres – DPVAT. O imposto obrigatório, pago anualmente, poderá ser parcelado para quem comprar carros usados. Já quem pretende adquirir um veículo 0km não terá a facilidade, tendo que pagar a cota única. A variação de preço é de R$ 105 a R$ 292, de acordo com o veículo.

Além dos impostos, a novidade que pesará no bolso consumidor é o aumento da gasolina. O valor previsto ainda não foi divulgado, mas o ministro Guido Mantega já confirmou o reajuste e informou que será feito no “momento adequado”. A justificativa para a subida dos preços é a neutralização nas quedas de preço da energia elétrica.

Confira mais notícias sobre economia, contabilidade, finanças pessoais e auditoria acessando nossas redes: @DominusAuditori e Facebook.com/DominusAuditoria.

Fonte: Jornal O Povo.

* * * * * (2) voto(s).
  • Share/Bookmark

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>