mai
10
2018
4 dicas essenciais para o corte de custos e aumento na lucratividade da sua empresa

A realidade é que muitas empresas desperdiçam dinheiro involuntariamente ou deixam de ganhar mais, seja por falta de planejamento ou por falta organização.  Por isso, resolvemos dar 4 dicas essenciais para o corte de custos e aumento na lucratividade da sua empresa!

1. Gerindo o corte de gastos

Antes de sair cortando gastos é muito importante fazer uma análise dos custos de tudo que se vem consumindo na sua empresa. O ideal é que se faça um estudo prévio para saber exatamente o que e onde se deve cortar ou diminuir para que isso não afete a sua produção ou o bem estar dos seus funcionários.

É importante elencar todos os custos e manter um histórico deles, assim você realizará cortes apenas no que for realmente desnecessário. Depois de analisar você precisa definir metas, inclusive adicionar isso no seu planejamento estratégico.

2. Gestão de pessoas

Na gestão de pessoas há algumas opções para cortes de gastos. Uma boa opção é  otimizar os processos. Algumas vezes um processo pode ficar empacado por que fica dependendo de uma pessoa e isso te faz perder dinheiro, então que tal mostrar aos seus funcionários o fluxo e o processo dos setores envolvidos.

Aperfeiçoe a jornada de trabalho. Você pode apostar na qualidade de vida do seu funcionário, criando regras para que não necessitem passar mais tempo que o necessário na empresa, pode pedir o uso moderado dos intervalos e evitar o acesso a redes sociais.

Você também pode implementar o banco de horas, onde se paga as horas extras do funcionário com folgas, dar férias coletivas para economizar na manutenção e infraestrutura das suas instalações também é uma boa pedida.

Na sua análise também é importante incluir a opção de contratação terceirizada, assim você pode avaliar qual tipo de profissional terá o melhor custo benefício.

3. Melhorando os custos no “compras”

O setor de compras é muito importante na diminuição de despesas, treine sua equipe para negociar tudo, seja  produto ou serviço que precise contratar. O ideal é sempre diversificar os fornecedores em busca do melhor preço e custo benefício. Uma boa opção também é comprar em volume e alugar.

Reduza o estoque dos produtos que não tem giro. Faça um estudo prévio dos itens que vende com mais frequência para que não acabe comprando produtos que terminem ficando deteriorados ou obsoletos. Se for possível, principalmente se sua empresa necessita de peças de montagem,  faça parcerias com empresas concorrentes para comprar em mais volume e conseguir melhor preço com fornecedores.

4. Diminuindo despesas no financeiro

Por último e não menos importante, é fundamental ter uma consultoria financeira. Você deve fazer um estudo de fluxo de caixa, analisando um período anual ou semestral e assim saberá em quais períodos necessita de capital com a baixa de vendas, assim pode negociar com os fornecedores as parcelas e prazos.

O endividamento pode ser a solução para melhorias na sua empresa, mas para isso deve ser planejado, se organize para pagar os juros mais baixos evitando conseguir o que no momento parece mais fácil, mas com juros maiores.

Verifique seu regime tributário. É possível diminuir o que se gasta com impostos se enquadrando no regime tributário adequado. Os regimes de Lucro Presumido, Simples Nacional e Lucro Real têm alíquotas diferentes, além de créditos e deduções próprios, e vale simular, com um contador, em quais enquadramentos a empresa poderia entrar e quanto pagaria neles.

As dicas são as essenciais , mas não podemos esquecer de continuar investindo no que te trará resultados e receita. E além de tudo economizar nas pequenas coisas do dia a dia, por isso é muito importante envolver a sua equipe, pois seus colaboradores são parte essencial para o sucesso dessa meta. Até as coisas mais simples, como adotar um copo ou usar a luz natural em vez de acender todas as luzes faz diferença no final.

          (0) voto(s).
  • Share/Bookmark

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>